Menu

25°

Palmitinho - RS
27° max
20° min

Fechar

25°

Palmitinho - RS
27° max
20° min
  • O Grupo
  • Anuncie
  • Contato
  • Após ciclone, Eduardo Leite decreta estado de calamidade pública no RS

    O governador decretou, nesta quarta (6/9), estado de calamidade pública durante coletiva sobre as operações após a passagem do ciclone no RS

     

    O governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite (PSDB-RS), decretou, nesta quarta-feira (6/9), estado de calamidade pública no estado dois dias após a passagem do ciclone extratropical na Região Sul deixar rastros de estragos e, ao menos, 32 mortos.

    “Estamos mobilizados para resgatar as vítimas e reconstruir tudo que foi destruído pela tempestade”, disse Eduardo Leite. A informação foi divulgada durante coletiva. Há, inclusive, previsão de chuvas intensas na região Sul, por conta do ciclone, para hoje.

    Eduardo Leite também suspendeu todos os desfiles militares no Rio Grande do Sul que estavam programados para ocorrer durante o feriado de 7 de setembro. “A melhor forma de homenagear a nossa pátria agora é trabalhar por quem está precisando de ajuda”, afirmou o governador.

    No início da manhã desta quarta foram confirmadas mais seis vítimas no RS. E no fim da manhã, Eduardo Leite confirmou mais quatro, em Lajeado, Estrela e Roca Sales. Assim, número de mortos chegou a 32.

    Mais cedo, seis mortes provocadas pelo ciclone foram confirmadas pela Defesa Civil do RS e pelo governador do RS. Eduardo Leite lamentou, nas redes sociais, as vidas perdidas e reforçou o trabalho de resgate no estado.

     

    *Com informações Metrópoles 

    Andrei Sartori - Jornalismo Grupo Chiru
    No Ar: Sabadão 107 com Liliane Caratti 16:00 - 21:00

    FM
    91,1

    Pub 91

    Amanda Busnello

    17:00 - 22:00

    FM
    104,3

    Rede Gaúcha Sat

    .

    14:30 - 19:00

    FM
    107,9

    Sabadão 107

    Liliane Caratti

    16:00 - 21:00