Menu

15°

Palmitinho - RS
26° max
13° min

Fechar

15°

Palmitinho - RS
26° max
13° min
  • O Grupo
  • Anuncie
  • Contato
  • Saúde distribuirá 119,5 mil vacinas contra Covid-19

    Entrega aos municípios ocorre nesta quinta-feira, 29 de julho

    A Secretaria da Saúde (SES) distribuirá 119,5 mil doses de vacinas Pfizer e Coronavac nesta quinta-feira, 29 de julho, dando continuidade à campanha de imunização contra a Covid-19. Das doses da Pfizer, cerca de 6 mil serão destinadas a segundas aplicações em gestantes e puérperas que receberam a primeira da Astrazeneca e cerca de 7 mil para adolescentes de 12 anos a 17 anos com comorbidades. As demais serão utilizadas para avançar a vacinação por faixa etária.

    A decisão foi tomada durante reunião da Comissão Intergestores Bipartite (CIB), com representação da gestão estadual e das Secretarias Municipais de Saúde, nesta quarta-feira, 28 de julho.

    Os gestores também definiram a destinação das demais vacinas entregues ao Estado na última terça-feira, 27 de julho, e as que têm previsão de chegada ainda nesta quarta-feira, 28 de julho, totalizando 486.810 doses: aproximadamente 68% serão utilizadas para segundas aplicações, ficando o montante reservado na Central Estadual de Armazenamento e Distribuição de Imunobiológicos (Ceadi) para distribuição posterior.

    Na quinta-feira, 29 de julho, ainda serão distribuídas para segunda dose vacinas da Pfizer e da Coronavac que se encontram na Ceadi. As planilhas com números exatos que irão para cada município ainda estão sendo calculadas pela equipe técnica da SES, assim como as rotas de distribuição.

    GESTANTES E PUÉRPERAS

    Em nota técnica, o Ministério da Saúde indicou a finalização do esquema vacinal de gestantes e puérperas (mulheres que deram à luz até 45 dias) que receberam apenas uma dose da vacina Astrazeneca. De modo geral, as vacinas não são intercambiáveis – tomar a primeira dose de uma fabricante e a segunda de outra. Porém, frente à impossibilidade deste público receber a segunda dose da Astrazeneca (para aquelas que tomaram a primeira antes da suspensão da marca a elas), novos estudos mostraram eficácia e segurança em completar o esquema vacinal com o imunizante da Pfizer. A nota ainda diz que, na falta da Pfizer, também poderá ser usada Coronavac.

    * Fonte: Governo do RS

    Priscila Nhoatto - Jornalismo Grupo Chiru
    No Ar: Corujão com . 00:00 - 06:00

    FM
    91,1

    Madrugada 91

    .

    00:00 - 05:30

    FM
    104,3

    Rede Gaúcha Sat

    .

    00:00 - 05:00

    FM
    107,9

    Corujão

    .

    00:00 - 06:00