Menu

33°

Palmitinho - RS
34° max
18° min

Fechar

33°

Palmitinho - RS
34° max
18° min
  • O Grupo
  • Anuncie
  • Contato
  • Com 1165 casos de Dengue Tenente Portela decreta situação de emergência

    Status autoriza a mobilização de todos os órgãos municipais para combateres os focos do mosquito Aedes aegypti

    O município de Tenente Portela decretou situação de emergência em saúde pública em decorrência do alto número de casos de dengue, até o final da sexta-feira, 9 de fevereiro, quando o decreto foi assinado e publicado de acordo com boletim divulgado pela própria prefeitura, o município já somava 1165 casos confirmados da doença e um óbito. O decreto autoriza a mobilização de todos os órgãos municipais para atuarem sob a coordenação da Defesa Civil.

    O decreto também prevê o remanejo de servidores públicos e prestadores de serviço da administração para atender às demandas prioritárias da Secretaria de Saúde e que se convoque voluntários para reforçar as ações com o objetivo de facilitar as ações de assistência à população afetada. O documento tem validade de 180 dias a partir da sua publicação.

    A confirmação do decreto de emergência vem após o município vizinho de Três Passos também ter feito decreto semelhante, ainda na quarta-feira, 7 de fevereiro, que também autorizou a mobilização de todos os órgãos municipais para atuarem em as ações de combate, campanhas e conscientização junto à população. Com 154 casos confirmados, o município é o quarto com mais diagnósticos positivos de dengue no RS, enquanto Tenente Portela é o primeiro.

    Três Passos decreta situação de emergência na saúde pública por causa da dengue

    Ações já tomadas

    Com o objetivo de frear o avanço da doença, a prefeitura de Tenente Portela começou a distribuir repelentes para funcionários públicos que trabalham na força-tarefa para eliminar focos do mosquito na quinta-feira, 8 de fevereiro.

    Tenente Portela começa a distribuir repelentes para frear avanço da dengue

    Antes disso já havia sido autorizado a fiscalização e cobrança de multas em caso de os agentes encontrarem possíveis criadouros em piscinas, cisternas, entulhos etc. e o Fumacê vem sendo realizado quase que diariamente seja com auxílio de veículo da Secretaria Estadual da Saúde ou costal aplicado pelos profissionais do município.

    Plantão médico

    Neste fim de semana, devido ao feriado prolongado de Carnaval, de 10 a 13 de fevereiro, a fim de atender com maior agilidade os casos de suspeitas da doença, o município organizou uma equipe de trabalho que atuará em regime de plantão no ESF 2, o Postão da cidade, das 8 às 15 horas sem fechar ao meio-dia, com atendimentos exclusivos para pacientes com sintomas da doença. Nos demais horários os pacientes deverão procurar o Hospital Santo Antônio (HSA).

    Situação do RS

    Nos primeiros dois meses de 2024, o Rio Grande do Sul registrou 3193 casos confirmados da doença, sendo 2.874 autóctones, e três mortes. Os demais foram importados (residentes do RS que foram infectados em viagem a outro local). Em 2023, o RS registrou mais de 34 mil casos autóctones, ou seja, contraídos dentro do estado. Ao todo, foram 54 óbitos em virtude da dengue no ano passado.

    RS registra o terceiro óbito por dengue no ano

    Heloise Santi - Jornalismo Grupo Chiru
    No Ar: Sabadão 107 com Cristiano Santos 16:00 - 21:00

    FM
    91,1

    Pub 91

    .

    17:00 - 22:00

    FM
    104,3

    Rede Gaúcha Sat

    .

    14:30 - 19:00

    FM
    107,9

    Sabadão 107

    Cristiano Santos

    16:00 - 21:00