Menu

17°

Palmitinho - RS
24° max
16° min

Fechar

17°

Palmitinho - RS
24° max
16° min
  • O Grupo
  • Anuncie
  • Contato
  • Prefeitura de Palmeira das Missões analisa documentos para escolha da empresa que fará estudo do HPR

    Três propostas foram apresentadas e a vencedora deverá ser divulgada até o fim da semana

    Na manhã desta terça-feira, 28 de maio, foi realizada a abertura dos envelopes do edital, na modalidade de concorrência eletrônica no critério de seleção de menor preço por lote, para a contratação de empresa encarregada dos estudos visando à retomada da obra do Hospital Público Regional de Palmeira das Missões. Três propostas foram apresentadas e agora a adminitração do município fará a análise da documentção e deverá divulgar até o fim da semana a empresa vencedora.

    A obra foi embargada em novembro de 2022 e para ser retomada será necessário um levantamento das condições da estrutura já feita. A contratada terá 180 dias úteis após assinatura do contrato para avaliar o prédio e analisar o que poderá ser reaproveitado e mantido. "Essa empresa irá determinar as medidas necessárias visando corrigir as questões identificadas e dar continuidade à obra", disse o prefeito Evandro Massing.

    O objeto do contrato abrange uma série de serviços especializados de engenharia, incluindo a realização de ensaios de esclerometria e extração de corpos de prova de concreto para ensaio de resistência à compressão axial, além do estudo de análise estrutural dos elementos como lajes, vigas e pilares. Também está prevista a elaboração do projeto de reforço estrutural e respectivo orçamento detalhado para a obra do Hospital Público Regional.

    A expectativa é que o projeto da continuidade seja reestruturado e publicado ainda no segundo semestre deste ano. Após o início das obras, a ideia é de que o prédio seja entregue em dois anos e meio.

    Leia mais: 

    Edital prevê contratação de empresa que fará estudo para retomada das obras do HPR

    Prefeitura de Palmeira das Missões anuncia rescisão do contrato com empresa executora do HPR

    Problemas estruturais não permitem o andamento das obras no HPR de Palmeira das Missões

    Liberados mais R$ 31,8 milhões para projeto do HPR

    Projeto do Hospital

    A obra iniciou em maio de 2019 com prazo de conclusão de dois anos. Sob responsabilidade da empresa paranaense Sial Construções Civis, a construção foi embargada em novembro de 2022 e o contrato rescindido em outubro de 2023. A justificativa da prefeitura era de que a empresa não tinha condições de continuar o trabalho.

    Do custo de R$ 115 milhões, R$ 70 milhões já foram pagos. Com a retomada e possível balanço de valores, a estimativa é de que a obra fique orçada em R$ 165 milhões totais. Os recursos são destinados pelo governo federal, por meio de emendas da bancada gaúcha e verba do Ministério da Saúde. A prefeitura fica responsável pela contrapartida de 2%.

    Após concluído, o hospital atenderá casos de média e alta complexidade, com 180 leitos de internação, 39 UTI e cinco berçários. A instituição será referência para mais de meio milhão de habitantes, de 72 municípios da Região Norte.

    *Com informações GZH

    Heloise Santi - Jornalismo Grupo Chiru
    No Ar: Corujão com . 23:00 - 00:00

    FM
    91,1

    Madrugada 91

    .

    00:00 - 05:00

    FM
    104,3

    Rede Gaúcha Sat

    .

    00:00 - 05:00

    FM
    107,9

    Corujão

    .

    23:00 - 00:00