Menu Ouça ao vivo

Fechar

  • O Grupo
  • Anuncie
  • Contato
  • Seminário apresenta projetos de inovação na agricultura familiar

    Iniciativas foram desenvolvidas por educandos do Curso de Tecnologia em Agropecuária da URI/FW

    A Câmara de Vereadores de Caiçara foi palco nesta quarta-feira, 7 de novembro, para o Seminário de Avaliação e Divulgação de Prática de Projeto Profissional e de Vida de dois educandos do Curso de Tecnologia em Agropecuária da URI-campus Frederico Westphalen, do Programa Nacional de Educação na Reforma Agrária (Pronera).

    Durante a atividade foram apresentados os projetos de Cátia Letícia Popik de Caiçara e de Ademir José da Silva, de Pinheirinho do Vale. Cátia desenvolveu o projeto “Implantação e viabilidade econômica da agroindústria Marlac” e Ademir “Bovinocultura de leite à base de pasto e subsistência familiar”.

    Os projetos foram desenvolvidos em sete semestres, que é o período de duração do Curso de Tecnologia em Agropecuária.

    De acordo com o coordenador do Departamento de Ciências Agrárias, professor-doutor Gelson Pelegrini, este é o primeiro projeto do Pronera, no Brasil, com beneficiários do Programa Nacional de Crédito Fundiário (PNFC).

    Pelegrini destacou também que o Médio Alto Uruguai é uma das regiões do país que mais teve beneficiado pelo Crédito Fundiário. De 1999 a 2014, foram beneficiadas 3.841 famílias nos 34 municípios da região.

    Ainda integrando a programação do seminário, a subsecretária de Reordenamento Agrário da Secretaria Especial de Agricultura Familiar e do Desenvolvimento Agrário (SEAD), ministrou palestra sobre “A reformulação e as novas normas do Programa Nacional de Crédito Fundiário”.

    O PNFC estava há quatro anos sem liberar recursos e foi reativado em setembro.

    Jornalismo Grupo Chiru